segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Filhas, não esqueçam de suas mamães.


Vivera sempre feliz até o dia em que um garoto, o qual ainda dependia de todos, quebrara seu coração. Depois, ela se foi. Com a faca do bolo e os comprimidos de vovó, acabou com a vida ainda não começada.
"Morrer é fácil, difícil é viver."
Palmas para todas as garotas que perdem vidas e momentos por garotos, drogas e outras coisas viciantes. Não sabem o que é sofrer.
Eu tenho, sim, dó delas. Dó, apenas isso.

Mamãe anda cansada, não me diz mais coisas para analisar.
Beijo.

6 comentários:

- Nessah ਏਓ disse...

Eu também tenho dó dessas meninas.

Lucas disse...

Sabe o problemas?
É que elas sempre buscam o caminho mais fácil e não sabem que não existe atalho para a felicidade...

bjxxx

Fernanda disse...

eu tambem pessoas assim dependem da felicidade dos outros e a felicidade é como se fosse uma fogueira,e tem pessoas que não conseguem construir uma para sí e necessitam ser aquecidas pela fogueira dos outros e quando nao conseguem matam-se,uma pena.

amei seu blog=)

Thamy disse...

Essas meninas não aprenderam nada com a vida, talvez por que ela sempre tenha sido tão fácil.

Adorei o blog!

Thaís A. disse...

que triste :/

Tayane Scott disse...

Também tenho dó dessas garotas que acabam com a vida por sentirem-se desamadas por pessoas que não merecem um pingo de consideração. Falou pouco, mas falou tudo. Adorei o blog e muito obrigada pela vistinha! te vejo em 2010.