quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Mamãe sempre soube...


Que odeio desafios. Desafios me deixam confusa, nunca consigo escolher e pensar sob pressão. Mas, nesse post, irei desafiar-me e criarei uma lista - deixando claro que odeio listar coisas -.
Portanto, aqui vai a primeira e, provavelmente a última, lista. (Apostei em um tema clichê, para facilitar as coisas.)

Os 10 melhores filmes que já assisti em 14 anos de vida.
Lembro-me da primeira vez em que assisti, era pequena, portanto, o filme não chocou-me logo de início. Hoje, maior, entendo o drama vivido pelas duas. Adoro a forma com qual Molly encara a péssima fase que está passando, adoro o jeito que ela vê o mundo, adoro sua ingenuidade. O soundtrack do filme também é ótimo, com algumas músicas cantadas pelos próprios atores, destaque para Molly Smiles. Adoro, para sempre, Brittany Murphy.

O começo do filme mostra a adolescência de duas garotas nos anos 50. Como já mencionei aqui, adoro os anos 50! Portanto, esse filme entrou, rapidamente, para minha lista de favoritos. Contando também com o enredo, que é lindo. Impossível não apaixonar-se por esse filme e por Jason. O elenco do filme já é ótimo e, para mim, melhor ainda, pois minhas duas atrizes preferidas estão nele. Adoro, sempre adorei e adorarei sempre, Drew Barrymore e, novamente, Brittany Murphy.

Esse filme marca minha infãncia, eu adorava assistir-lo, tinha até gravado. E, atualmente, quando ele - sempre - é exibido na Sessão da Tarde, eu assisto. Nunca, nunca, perco. Eu adoro de paixão o Thomas, e choro - muito - com sua morte trágica. (Esse filme é um dos 1.000 motivos, dos quais odeio abelhas). Gosto como o amor inocente dos dois é mostrado, ela sempre exibida, ele sempre tímido, é um amor sem precisar de nada. E eu sempre quis um anel igual o da protagonista.

Para quem não sabe, o filme Coraline foi baseado no livro. Lembro de, na terceira série, quando comecei a interessar-me totalmente por leitura, ler Coraline várias vezes. Eu adorava ler e reler, pensar como seriam os personagens, o cenário e, no filme, eu pude ver tudo isso. E por mais inacreditável que pareça, era tudo do jeito que eu havia pensado! Os botões nos olhos, o gato, as vizinhas gordas, o circo de pulgas, é tudo igual ao que eu imaginava. O primeiro filme adaptado do qual eu gosto e admiro. Os desenhos são totalmente estranhos, o que deixa-os totalmente a cara do filme, eu amei, de verdade.

Pode parecer mais um filme clichê Hollywoodiano, mas que, no final você percebe que há muito mais atrás de toda a pose de "nova versão de Patricinha de Beverlly Hills". O filme mostra como o real mundo das meninas é, sem amizades, roupas e unicórnios. Mostra como as garotas são cruéis sim, independente de onde vem, como são ou o que gostam. Eu sou, completamente, apaixonada por esse filme, eu tenho o dvd e sempre que posso assisto. Adoro o clichê mudado dele, adoro as atrizes, os personagens, adoro toda essa realidade cruel que ele mostra. Destaque para a trilha sonora, que é ótima também.

Quem, na face da terra, não ama esse filme? Ele é todo lindo, fofo, clichê e viciante. Não houve uma vez em que assisti e não chorei, ele é simples e todas nós, simplesmente, amamos. Quem não gostaria de ter um Landon realizando seus desejos? Destaque, novamente, para a trilha sonora, a qual possui várias músicas interpretadas pelos atores.

Admito que não assiti tantas vezes, mas, de primeira, me apaixonei. Eu adoro a forma de pensar e adorar casamentos da Jane. Eu identifiquei-me muito com ela, deve ter sido esse fator que me fez gostar tanto do filme. Ela idolatrava o cara, que apaixona-se por sua irmãe fútil, que faz tudo de errado, enquanto ela, correta, inteligente e legal é deixada para trás. Ela tem o cara mais legal apaixonado por ela e, ainda assim, continua querendo o mais perfeito e mais sem graça. Ela é tão eu! Eu amo mesmo todos os vestidos dela, são tão lindos, sério, todos. Esse filme tem um "quê" diferente que o transforme de "comédia romantica de sempre" para "um filme apaixonante".

Mamãe ensinou-me a gostar deste filme. Gosto das duas versões, preferindo a primeira apenas pelo cenário mais rico e lindo. Toda a história é linda e diferente. Gosto de pensar, que a competição disfarçada dentro da fábrica é como a nossa vida, precisamos ser mais Charlie, as vezes, para conseguirmos o que tanto queremos. Sonho, ainda, com uma festa com o tema do filme. Adoro as canções e danças dos Oompa-Loompas!

De primeira, ao ler a sinopse, achei bobo, admito. Mas, depois que assisti, minha opinião mudou totalmente. Eu amo os cenários do filme, amo a personagem, amo a forma como os dois se apaixonam. Ele não precisou vê-la, para apaixonar-se e, nem sentiu nojo e medo ao ver seu defeito, assim como todos fizeram. Ela não precisou dos pais, que procuravam loucamente um noivo para a filha apaixonar-se, ela apenas, com sua beleza interior, conseguiu apaixonar o cara que desfez sua maldição. O filme, as roupas e o roteiro é lindo.

Eu não poderia esquecer de colocar um musical aqui, lógico. O filme é vivido nos anos 60, o que já me envolve totalmente. As músicas são LINDAS e totalmente viciantes, eu adoro. Gosto de ver a vontade de Tracy, adoro o jeito como ela encara suas diferenças. As roupas são maravilhosas, os cabelos, a cidade, tudo, tudo é lindo neste filme. Destaque para a música Welcome To The 60's, que não sai da minha cabeça.

Ufa, cansou, de verdade! Mas agora, eu quero ver todos os filmes novamente. Assistam, pois eu sei que vários de vocês, assim como eu, está curtindo esse óssio de férias. Mamãe não gosta de suas crianças entediadas!





8 comentários:

maria disse...

isso me tirou do tal do óssio ahaha
metade dos filmes dai vc viu comigo hihi vc escreve mt bem juu ! beijos gabizinha do rj !

Anna disse...

ahhhh, tem vários filmes que eu amo aí no meio. A fantástica fábrica de chocolates, meu primeiro amor...

tô doida prá ver coraline, mas nunca vi... =/

e eu adooooro listas. não entendi porque você não gosta! (:

beijo!

darsh. disse...

acho que sou a unica pessoa no planeta que não viu um amor para recordar :~~

isaah disse...

Eu amoooo "Um amor para recordar" *O* é muuuito fofo :)


Adorei teu blog, realmente você escreve muito bem ;) (y)

★тєcα★ disse...

Filmes com átimos enredos, mas acredite nunca assisti a nenhum deles, mas anotei os nomes para dá uma olhada depois!

Beijinhos e feliz 2010!

Malú Azzoni disse...

Penelope, aaaaaaaah! Eu li o livro, e adorei o filme também :)
E todos os outros também gosto muuito! Só não vou com a cara de A Fantástica Fábrica de Chocolates, sério, nunca consegui gostar. Malú problemática, haha
E também não vi o segundo.. quero ver.

Beijos Jú! Me avisa quando voltar de viagem, ok?
:*

Vini Manfio disse...

só assisti o terceiro
mas
sei lá
listas são meio injustas
mesmo que sejam nossas

Tayane Scott disse...

Pois dos meus quase 22 anos de vida, constatei que só vi três, sim, TRÊS, dos filmes que você listou. Vou correr atrás de assistir alguns outros que citou e que eu sempre tive vontade, mas pouco tempo para ver. Quanto ao pânico das listas, relaxa. Elas são clichês, mas as vezes são extremamente interessantes. Um beijo